Terça-feira, 23 de Fevereiro de 2010

Frágil - Jodi Picoult

 

                Frágil

 

 

      Que posso eu dizer sobre este livro, que não repita impressões deixadas pelos que li anteriormente desta autora? Que me cativa, me emociona até, a forma como Jodi Picoult consegue fazer-nos quase reviver os acontecimentos narrados... que a descrição, daquilo que sente cada personagem, me faz questionar a todo o instante "e se fosse comigo"?, e me leva a duvidar se devo apoiar esta ou aquela parte do conflito... que me obriga a reflectir sobre temas tão diversos como a família, a esperança, o amor infinito pelos filhos, o sacrifício, a verdade, a devoção, a fé, as questões legais e suas fragilidades...

      A palavra frágil não se resume aqui às consequências físicas da doença da protagonista, mas estende-se, sobretudo, às consequências emocionais que a vida de e com uma criança com necessidades especiais pode acarretar.

      Quanto ao final... confesso que após a leitura de todos os outros livros da autora editados em Portugal, consegui adivinhar quase ao pormenor o final, mais uma vez surpreendente, de mais esta excepcional narrativa...

 

 

Sinopse:

«Willow, a linda, muito desejada e adorada filha de Charlotte O’Keefe, nasceu com osteogénese imperfeita - uma forma grave de fragilidade óssea. Se escorregar e cair pode partir as duas pernas, e passar seis meses enfiada num colete de gesso. Depois de vários anos a tratar de Willow, a família enfrenta graves problemas financeiros. É então que é sugerida a Charlotte uma solução. Ela pode processar a obstetra por negligência - por não ter diagnosticado a doença de Willow numa fase inicial da gravidez, quando ainda fosse possível abortar. A indemnização poderia assegurar o futuro de Willow. Mas isso implica que Charlotte tem de processar a sua melhor amiga. E declarar perante o tribunal que preferia que Willow não tivesse nascido...»

 

publicado por Cris às 18:58
link do post | comentar | favorito
|
14 comentários:
De Lara a 23 de Fevereiro de 2010 às 20:35
adoro esta autora. li este livro no Natal em 2dias. ela escreve maravilhosamente bem. :)

este livro é particularmente tocante. emocionante. ;)


*
De Segredos!!! a 23 de Fevereiro de 2010 às 21:49
Eu fiquei zangada com o final...
Porque é irónico não é??
Quer dizer, depois de tudo... a razão de tudo ter fragilizado... ela morre...
É um dos melhores livros que que já li...

Beijinhs****
De David a 4 de Agosto de 2010 às 21:52
revelaste-me o final!! arrrg
x)
nao faças mais isso pf
De Segredos!!! a 4 de Agosto de 2010 às 22:01
Peço desculpa... enstusiasmei-me a falar do livro e foi sem querer... é um bom livro...

Não tornará a acontecer...

Beijinhs***
De David a 5 de Agosto de 2010 às 11:55
x) nao faz mal!
eu tbm sou assim!
olha q se lixe tbm ja nao é a primeira vez que eu adivinho os finais!
De Anónimo a 11 de Dezembro de 2012 às 19:07
Concordo.. Fiquei um bocadinho triste e zangada com o final..Mas amei sem sombra de dúvidas o livro...é Lindo assim como todos os livro dela.
De Carlos Manuel Lopes da Silva a 24 de Fevereiro de 2010 às 12:28
Esta autora não me dizia absolutamente nada até agora.
Nunca li nada dela e, para ser sincero, nem me iria "dar ao trabalho" de pegar num dos seus livros na livraria. Apenas porque não tinha nenhuma referência.
Mas agora o caso muda de figura. Com estes elogios, fiquei tentado a comprovar a veracidade...
Uma hipótese a considerar, na próxima ida à livraria para as compras...
É bom saber.
Obrigado!
De Patrícia Santos a 27 de Fevereiro de 2010 às 17:28
É o próximo! Estou só a acabar o último do Dan Brown. Esse está na fila, é o seguinte =). Tenho todos os livros desta autora e, escusado será dizer, são todos fenomenais. Comecei com o "Tudo por Amor", depois "Dezanove minutos", seguido de "Em troca de um coração", logo veio "Uma questão de fé", seguido de "Memórias Esquecidas", "O Pacto" e, por último "Para a minha irma", que li o mês passado. Falta-me Frágil e o "Décimo Circulo", que estão na estante à espera de serem lidos. É tão observente cada uma destas narrativas, sendo impressionante como Jodi nos consegue deixar divididos durante toda a história, nunca conseguindo saber afinal qual o caminho certo ou errado.Adoro os temas, a escrita fluente, o dilema moral em que nos mete...simplesmente brilhante.=)
De Filipa a 9 de Março de 2010 às 11:29
Já terminei, e não gostei nada do fim =| e tambem nao foi dos livros que me colou a ele. Mal o terminei comecei logo o Dezanove Minutos, e so anseio pelo fim de semana para o devorar porque estou mesmo fascinada!

Continuação de Boas Leituras ;)
De Bruna a 14 de Julho de 2010 às 14:25
Olá!
Não podia estar mais de acordo com as características que indicas-te sobre a escritora.
Não fosse ela autora de 17 romances e todos eles bestesellers.
Esta sem dúvida é uma das minhas escritoras preferidas!
Sigo o seu trajecto literário há já algum tempo e não estou arrependida.
Em relação a este livro, sou sincera, nunca pensei num desfecho tão inesperado e tão triste...
Fiquei comovida...
Estou ansiosa com a publicação do seu novo livro em Novembro!
Espreita o meu blog...
Beijinhos
De Ricardo a 29 de Outubro de 2010 às 20:27
ainda so li dois,tudo por amor e dezanove minutos.estou á espera que publiquem "no seu mundo" pk ja li o resumo e estou ansioso!!gostei mt de ler dezanove minutos, mas n gostei de tudo por amor. gosto desta autora, pois cativa-nos e manipula-nos emocionalminte e arranja bons finais.mas por outro lado podia dizer que odeio! é de leitura facil, n tem promonores e descrições nem dialogos inteligentes. alem de ser mt sencacional, é facil e mt novela. mas n kero me armar em intelectual, e devo admitir k ela tem o dom de cativar.os livros dela sao bons para quem procura uma leitura facil,polemica e cativante, mas mt maus para quem aprecia romances com descrições belas e inteligentes(como "o perfume").
Quem kiser k releve o final de tudo por amor ou dezanove minutos é so pedir xau!!!
De Anna Mendez a 23 de Janeiro de 2011 às 20:12
Olá Boa Noite .
Acabei de ler Tudo por Amor , achei incrivel , bastante emotivo e cheio de emoções .
Admito que não sou uma pessoa de ler muito mas quando leio prefiro escolher livros que se remetam á realidade , nunca tinha lido livros da jodi picoult foi o primeiro , e sem dúvida que vou começar a procura de mais e mais .
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

Olá Boa Noite . <BR>Acabei de ler Tudo por Amor , achei incrivel , bastante emotivo e cheio de emoções . <BR>Admito que não sou uma pessoa de ler muito mas quando leio prefiro escolher livros que se remetam á realidade , nunca tinha lido livros da jodi picoult foi o primeiro , e sem dúvida que vou começar a procura de mais e mais . <BR class=incorrect name="incorrect" <a>Começei</A> a ler este devido a um trabalho na escola , amanha vou ter que fazer uma breve apresentação oral acerca do livro , e dizer o porquê que o escolhi. <BR>Adorei imenso este livro porque faz-nos pensar o que fariamos se isto acontecesse a alguém que ama-mos ou alguem muito próximo a nós . <BR>Tenho um irmão bébé , e sem dúvida acho que se fizessem o mesmo , será que eu ficava tão devastada ao ponto de matar? ao ponto de fazer tal loucura? <BR>e sem dúvida que neste livro encontramos realmente as emoções verdadeiras da maternidade , faz-nos entrar na história , sofrer , desejar e até mesmo lutar para que tudo corra bem e recomendo mesmo ás pessoas para o lerem porque desde o momento em que começam não vão querer parar ! <BR><BR>Obrigado, um bom fim de semana <BR>**
De elsa a 10 de Maio de 2012 às 11:11
ja vou na 90º pagina e estou comovida com a história que quero acabar d lert o livro. começei a le-lo ontem à noite. É lindo. Eu que sou uma rapariga que se recusava a ler ate é de ademirar estar a ler uma livro cm mais de 200 paginas e sem imagens.
De Ana a 15 de Maio de 2012 às 22:47
Acabei ontem de ler o livro. Posso dizer que adorei, mas sobretudo que fiquei surpreendida, e até emocionada, com o final. Não será irónico que depois de tanta luta, tudo tenha sido em vão? Aquela mãe que lutou para que o futuro da filha fosse o melhor possível, "destruindo" tudo o que a rodeava.... Um livro simplesmente Fantástico!
Também já li "No seu Mundo". É um livro diferente deste mas igualmente extraordinário. :D

Comentar post

.mais sobre mim

.Agosto 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
23
25
26
27
28
29
30
31

.Leituras do dia

Diz-me Quem Sou

.

"Leio e estou liberto, adquiro objectividade. Deixei de ser eu e disperso. E o que leio, em vez de ser um trajo meu que mal vejo e por vezes me pesa, é a grande clareza do mundo externo."

        Fernando Pessoa

 

"Pegar um livro e abri-lo guarda a possibilidade do facto estético. O que são as palavras dormindo num livro? O que são esses símbolos mortos? Nada, absolutamente. O que é um livro se não o abrimos? Simplesmente um cubo de papel e couro, com folhas; mas se o lemos acontece algo especial, creio que muda a cada vez.”

* Jorge Luís Borges *

 

.leituras recentes

. Não gostas?...

. Pergunta(s) indiscreta(s)...

. Ler na praia...

. 2012... em livros lidos....

. Um bom exemplo...

. :Oh!...

. Verdade...

. Pergunta Indiscreta III.....

. Um livro que é uma cama.....

. Pergunta indiscreta II...

.links

.tags

. todas as tags

.na estante

. Agosto 2012

. Dezembro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Dezembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.pesquisar

 

.Das imagens...

Este blog alimenta-se de imagens, como facilmente se percebe… Todas aquelas, cuja fonte não está assinalada, foram encontradas nas minhas “viagens” pela Net. Se, eventualmente, tiver colocado uma imagem sua não hesite em comunicar-mo… os créditos serão imediatamente repostos!

.Bem vindos!

Counters
Free Counter . Profile Graphics, Page Graphics