Domingo, 22 de Agosto de 2010

Lidos em férias...

 

      

 

 

      À excepção do livro que destaco, as minhas leituras em férias serviram, essencialmente, para reduzir a pilha de livros que aguardava na estante por uma oportunidade... Alguns esperavam há cerca de sete anos...

 

      "Onde crescem Limas não nascem Laranjas" - Amanda Smyth

      "O Menino e o Cavalo" - Rupert Isaacson

      "O Terceiro Reich" - Roberto Bolano

      "O Último Reino" - Bernard Cornwell

      "Em memória de Albertina, que Deus haja!" - Francisco Moita Flores

      "Na Birmânia ficou o meu coração" - Jan-Philipp Sendker

 

      Destaco "O Menino e o Cavalo", um daqueles livros que me escolheu e se revelou uma agradável surpresa! Trata-se do relato verídico de um pai acerca da sua vivência com o filho autista e da sua busca incessante por uma "cura", nos lugares mais recônditos do globo terrestre...

 

      Não é a primeira vez que me sinto assim atraída por uma história ou que um livro se me oferece, sem o conhecer, sem ter ouvido qualquer crítica sobre o mesmo... Simplesmente me acena, de longe, numa estante duma qualquer livraria e já não saio de lá sem ele!  De todas as vezes que isto aconteceu... não me desiludi!

      Já vos aconteceu? Serem escolhidos pelo livro antes de terem tempo de escolher?

 

publicado por Cris às 23:33
link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De mamaepedro a 23 de Agosto de 2010 às 09:15
6 livros? Bolas :p
Confesso que depois do Kiko nascer deixei de conseguir ler como antigamente, este mês numa semana li "a noiva italiana" e gostei bastante, e já tenho outro á minha espera, vamos ver se leio tão depressa como este...

Beijokas
De cuidandodemim a 23 de Agosto de 2010 às 12:30
Estava aqui a pensar se já me tinha acontecido... E acho que sim, já comprei muitos livros sem saber nada deles. Apenas porque gosto do título ou me cativa a capa... Sinto que qualquer coisa nele me chama...
Bjns
De magnolia a 23 de Agosto de 2010 às 15:13
Já me aconteceu...:)) Sabes que raramente sigo as modas nos livros. Vou à biblioteca, passo lá um bocado de tempo e trago coisas que nem imaginava que existiam. Depois de vez em quando lá trago uma coisa que vi na Tv, ou no supermercado em destaque...mas regra geral não sei o que está dentro dos livros quando pego neles:)))

os que compro é que já têm que ser escolhidos....ou então aproveito as promoções, o que quer dizer que não tenho como escolher:))

Beijinhos***
De verdesperanca a 24 de Agosto de 2010 às 21:11
Nada como as férias para pôr as leituras em dia. Estou ansiosa que cheguem as minhas...
Sim, já me aconteceu isso. Fui escolhida por um livro que desconhecia a autora, nunca tinha ouvido falar dele e o mais engraçado é que de certa forma deu-me outra perspectiva da minha própria situação na altura.
Há coisas curiosas...
De Subjectividades a 25 de Agosto de 2010 às 12:56
É um facto!

Na grande maioria das vezes até vou com a referência de um livro especifíco e acabo por comprar um outro, nunca tinha visto era a questão por esse prisma mas está bem pensado!

Eles é que me escolhem ....que ideia simpática!!

Bj
De Carlos Manuel Lopes da Silva a 30 de Agosto de 2010 às 10:15
Aconteceu-me com "O Deus da Moscas", de William Golding.

Apesar de, depois de o ter lido e ter pesquisado sobre ele, ter descoberto que afinal se trata de um clássico da Literatura, não conhecia esta obra.

Foi um livro que me cativou logo no primeiro instante que o vi, na prateleira de uma Bertrand, no Porto, há cerca de 3 anos. O nome nem sequer é atraente e a capa é, atrevo-me a dizer, assustadora! Mas o certo é que me senti logo atraído por "O Deus da Moscas", de William Golding.

Conclusão: adorei este livro, marcou-me profundamente e nunca mais o esqueci.

Comentar post

.mais sobre mim

.Agosto 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
23
25
26
27
28
29
30
31

.Leituras do dia

Diz-me Quem Sou

.

"Leio e estou liberto, adquiro objectividade. Deixei de ser eu e disperso. E o que leio, em vez de ser um trajo meu que mal vejo e por vezes me pesa, é a grande clareza do mundo externo."

        Fernando Pessoa

 

"Pegar um livro e abri-lo guarda a possibilidade do facto estético. O que são as palavras dormindo num livro? O que são esses símbolos mortos? Nada, absolutamente. O que é um livro se não o abrimos? Simplesmente um cubo de papel e couro, com folhas; mas se o lemos acontece algo especial, creio que muda a cada vez.”

* Jorge Luís Borges *

 

.leituras recentes

. Não gostas?...

. Pergunta(s) indiscreta(s)...

. Ler na praia...

. 2012... em livros lidos....

. Um bom exemplo...

. :Oh!...

. Verdade...

. Pergunta Indiscreta III.....

. Um livro que é uma cama.....

. Pergunta indiscreta II...

.links

.tags

. todas as tags

.na estante

. Agosto 2012

. Dezembro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Dezembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.pesquisar

 

.Das imagens...

Este blog alimenta-se de imagens, como facilmente se percebe… Todas aquelas, cuja fonte não está assinalada, foram encontradas nas minhas “viagens” pela Net. Se, eventualmente, tiver colocado uma imagem sua não hesite em comunicar-mo… os créditos serão imediatamente repostos!

.Bem vindos!

Counters
Free Counter . Profile Graphics, Page Graphics